segunda-feira, abril 07, 2008

Scrum @ Bancoob

No início do mês de março estive em Brasília para iniciar a formação dos profissionais do Bancoob (Banco Coopertivo do Brasil) em Scrum. O Bancoob é um banco comercial privado cujo controle acionário pertence a 14 (quatorze) cooperativas centrais de crédito e está em fase acelerada de crescimento. Uma instituição financeira que, pelo crescimento acelerado, precisa de muita agilidade nas ações de seus times, e isto foi um fator determinante no momento da escolha de uma metodologia para o gerenciamento de seus projetos.
O relacionamento entre Bancoob e Scrum iniciou-se no evento JavaBrasil, que foi realizado em Campinas no final do ano passado. Lá alguns profissionais do banco tiveram contato com Scrum através de uma palestra minha e levaram, de imediato, algumas das suas práticas para o dia-a-dia de alguns times. Em um segundo passo, um dos membros do time de arquitetura do Bancoob veio até São Paulo para participar do meu treinamento "Gerenciamento de Projetos de Software com Scrum" na Caelum. A partir daí passamos a ter um contato mais frequente e então eles sentiram a necessidade de realizar workshops específicos para 80 (oitenta) pessoas no banco (envolvendo funcionários, terceiros e fábricas de software).
Durante duas semanas de forte contato com os profissionais de lá tenho claro para mim que o Bancoob será um dos próximos grandes casos de sucesso de Scrum no Brasil. Com uma equipe interessada e dinâmica, lideradas por gerentes que tem claramente a visão de que - devido às características do negócio - processos tradicionais mais lhe atrapalhariam do que ajudariam, Scrum caiu no gosto das pessoas. Obviamente, como em todas as empresas que dou consultoria, questões culturais emergiram e a questão "Será que isso vai mesmo funcionar aqui?" deve ter passado várias vezes pela cabeça de muitos, e como eu sempre digo: isso é natural! O importante é que as pessoas tenham em mente que qualquer novo processo que seja utilizado (independentemente de ser Scrum) gerará num início aquela sensação de insegurança...é importante estar focado nos resultados que podem ser gerados com estas mudanças: positivos realmente ou simplesmente para ter-se um processo?
Tenho certeza que o Bancoob terá uma longa história com Scrum, pois o processo de "adoção" por lá não está sendo feito via bottom-up, nem top-down, mas sim em ambos os sentidos. Diretoria, superientendências, gerências, times...todos estão se envolvendo com o processo, e este é um ponto crucial para vencer com Scrum.

2 comentários:

Mark Pearson disse...

Scrum is undeniably the winner of the agile method wars. Thanks to the scrumstudy.com's vast network of Certified Scrum Trainers and Agile Certification Courses.

Wright Williams disse...

The PMP Certification establishes a common language among project managers and helps each other work within a common framework. Once you have the PMP, you need to consider how you're applying the processes, tools, and techniques to projects. I took a training course for my preparation in http://www.pmstudy.com and got ready for the exam on day 5!